terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Nós homens que devemos mudar de comportamento.

Já parou para pensar como está a sua vida?

Engraçado que as paixões provocam torturas mentais, causando vários traumas, gerando todos os tipos de bloqueios mentais, ficando com a mente fixa sempre em alguma mulher, apesar de que muitos sofrem desse inferno, ao mesmo tempo tem um medo terrível de ficar sem sexo. Reclama, mas procuram todas as formas de justificar que é escravo de buça, começa a falar que é “instinto animal”, “que na época das cavernas!”, “que o nosso DNA”, “que nossos antepassados!’ e assim por diante, mas lamento informar que sexo é mais psicológico do que biológico. Todos os dias, somos bombardeados pelos meios de comunicações, imagens de mulheres exuberantes, mostrando a bunda, falando de sexo, filmes e músicas românticos, etc, isso que provoca o nosso cativeiro das paixões. Uma estratégia perfeita, nos homens incentivam o sexo, nas mulheres desestimula dizendo: “Homens só pensam em sexo, eles só querem em te comer!”, causando assim um grande conflito social.


Pode programar a mente humana como fosse um computador.
Foi exatamente o que o feminismo fez na cabeça das mulheres.
Uma estratégia de guerra psicologica colocada nas mulheres para destruir os homens através do emocional.
Feminismo é uma estratégia perfeita de controle mental sobre as mulheres, a sociedade desconhece o poder da propaganda e marketing, atuando somente na parte irracional e involuntário do cérebro, fazendo obedecer cegamente às ordens externas, através de sucessivas repetições, o que torna impossível de vencer esse sistema. A única forma de defesa dos homens é conhecer a estratégia feminista, como diz o grande general chinês Sun Tzu, “Conheça o seu inimigo!”.

A maior vitória da mulher sobre o homem, não é tirar tudo dele, mas sim fazê-lo continuar apaixonado por ela, mesmo tendo atormentado a vida dele, ter a sensação “Ele está em minhas mãos! Ele ainda me ama!”, pois a pior derrota para ela é quando o homem pega nojo e repugnância da cara imunda dela. A maior vitória sobre a inimiga é fazer com que ela não atinge o objetivo dela, que é, estar apaixonado e apegado a ela.

Como já falei antes, não existe amor nesse mundo material, só pode ser concebido no âmbito espiritual, quem insistir nisso, sofrerá todas as formas de inferno terrestre, ficando com a vida amarrada numa fêmea. Sei que falar isso para um jovem, estou perdendo tempo, porque ainda não tem vivencia, mas homens entre 30 e 40 anos sabem o que estou dizendo. Não existe coisa mais triste do mundo, os anos passam, já passaram décadas, mas a sua mente continua pensar sempre na ex. Uma pergunta: “Vai continuar a pensar na sua ex, até o momento da sua morte?”, fica esse questionamento. 

Uma coisa que percebi, não adianta ficar na internet xingando as mulheres de puta, piranha, vagabunda, interesseira, etc, elas não vão mudar de comportamento, ainda mais existe todo um sistema a favor delas, claro que dá ódio nisso, não vou ser hipócrita de falar, quando xingo essas vagabundas, causa um alivio mental muito grande, causa uma descarga emocional muito grande, uma sensação de vingança e bem estar, mas o que isso irá nos levar? Estamos perdendo tempo com elas, o feminismo fez a cabeça delas e não vão mudar, o tempo está passando rápido e não conseguimos os nossos objetivos.


O  eterno pensar. Pensar até resolver todos os seus problemas.
Não iremos mudar a realidade delas, mas podemos mudar o nosso, o prejuízo psicológico está instalado, o que nos resta é superar os traumas provocados pelas paixões. Vocês reclamam, mas estão apegados nelas, muitos ainda objetivam em desenvolvimento pessoal, somente para ter dinheiro para pegar várias mulheres, esquecendo-se do destino de todos os homens que pensam somente em sexo, que é a sua falência financeira. Não existe amor nesse mundo, o que chamamos de amor não passa de luxuria e satisfação dos sentidos, onde as pessoas, principalmente os homens, estão dispostos a fazer qualquer coisa por sexo. Sexo e dinheiro estão interligados. Os homens se humilham por sexo, e mulher se humilha por dinheiro.

Sabe qual o problema dos mais jovens? É não escutar os mais velhos, esquecem de que eles já foram jovens e já viram esse filme antes, onde até sabe o destino do jovem através do estilo de vida que esta levando. Por falta de valores morais, os jovens estão perdidos, procuram extravasar as suas frustrações através do sexo, mas o resultado final é a decepção.

Até há pouco tempo, escrevia de forma agressiva, na base da porrada mesmo, porque queria mostrar que o assunto era sério, que através da porrada, acordasse o leitor para a vida e encarar a realidade desse mundo. Também devo confessar que escrevia de forma violenta, porque em certas passagens da minha escrita, me dava um sentimento de ódio muito forte, porque estava relembrando aquele acontecimento terrível da minha vida.

Escrever não é simplesmente escrever, você mexe com valores das pessoas, com a fé delas, mexe com o seu próprio psicológico, paga um preço por expor as suas ideias, pode criar amigos ou inimigos, pode ajudar e prejudicar os outros, e assim por diante. Já fiquei sem dormir, porque recebi e-mails de leitores dizendo que salvei a vida deles, através da minha escrita, isso significa que a minha vida foi útil para alguém, e isso me deixa muito feliz.

Já pensei sobre isso, que todas as experiências desagradáveis que tive das paixões, na realidade foi para aprender e depois ensinar para os outros homens, mostrando o caminho correto da vida através da minha experiência. Tudo que aprendi foi na base da porrada, não foi lendo livros ou documentários, tudo através da vivencia, por isso, que tenho voz de autoridade no assunto. 

Pensam sobre isto!

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade



Nenhum comentário:

Postar um comentário