segunda-feira, 13 de junho de 2016

Real para as mulheres?

     


Querer ensinar a Real para as mulheres é a mesma coisa querer ensinar macumba para os evangélicos! 

Outro dia estava lendo alguns fóruns e não acreditei quando me deparei “A Real para as mulheres”, que são os guerreiros antigos procurando doutrina-las com a nossa filosofia, chegando até ao ponto de elas serem administradoras de algumas páginas da Real. Como já disse antes, muitos já voltaram para a Matrix, entram em desespero só de imaginar que podem ficar sem elas, querem convertê-las a todo o custo, nem que para isso acaba Traindo a Real.

Vi em outro fórum da Real, outro guerreiro antigo, xingando os homens dizendo “Vocês não querem casar, até quando vão continuar comendo putas! Vocês devem casar!”, “Vocês não querem assumir mãe solteira, mas vivem na putaria!”, afirmando que deve assumir um compromisso sério com as mulheres. Para mim quem pensa desse modo, na verdade é um escravo de buceta, um Traidor da Real, que precisa da aprovação feminina para justificar a sua mediocridade.

Não sou favor e nem contra os relacionamentos, cada um sabe o que é melhor para si, agora ofender um Confrade que resolveu não se relacionar, então Vai tomar no cu, pois ninguém deve obrigar o outro a se relacionar com alguma mulher. Essa coisa de ensinar a Real para as mulheres foi a coisa mais medíocre, idiota, babaca e completamente inútil para os homens. Em primeiro lugar, elas nunca vão admitir os seus erros, é mais fácil a Roberta Close virar homem de novo, do que isso acontecer.

As mulheres mentem, mentem e mentem, mas sempre possui a necessidade de jogar a sua culpa nos homens, pois para elas não existem erros, sempre foi assim e sempre será. Todas as mulheres são feministas e não sabem, a não ser se ela for extraterrestre, porque o feminismo fez uma lavagem cerebral em escala mundial, através da propaganda e marketing.

A mente humana é dividida em objetiva e subjetiva, a primeira é racional, lúcida, consciente, onde as pessoas tem controle dos seus atos. A mente subjetiva onde encontra todas as nossas emoções, como amor, ódio, raiva, etc. É irracional, obedece aos todos os comandos externos, é involuntário e a pessoa não tem controle sobre ele. O feminismo trabalha exatamente nessa área do cérebro (subjetiva), que através de sucessivos repetições dos meios de comunicações, atua na área irracional e involuntário do cérebro da mulher, fazendo com que age somente com impulsos do subconsciente. Ou seja, estaria hipnotizada, aceitando como reais todas as falas externas, que os homens são maus.

É mais fácil a Roberta Close virar homem
novamente do que a mulher entender a Real!
Isso é guerra psicológica, pois quando destruir os homens através das emoções, as mulheres irão destruir a si mesmo, ou levará uma vida cheio de sofrimento, como frustrações, decepções e a depressão. No final todos serão prejudicados, tantos os homens e as mulheres, porque o feminismo não é apenas uma ideologia, mas sim uma estratégia de engenharia social, fazendo que a sociedade se destrua por si mesma.

A guerra psicológica visa enlouquecer os homens, fazendo ter noites de insônia, perturbações mentais, desespero e a principal de tudo, manter a mente masculina sempre fixo em alguma mulher. Por isso, que o feminismo usa a estratégia de mandar as mulheres usarem roupas curtas e provocativas, fazendo com que os homens sempre ficam com a mente fixo nelas, sempre se masturbando, sempre falando nelas, e trabalha feito animal para conseguir dinheiro para sair com elas.

Os filmes sempre interferem os nossos comportamentos e nem damos conta disso, por exemplo, nos filmes mostram quando o homem é rico e bem sucedido, ele deve ser pegador, comer várias mulheres, ou seja, pegar geral. Mas, com as mulheres bem sucedidas são contrárias, as mostram como sérias, trabalhadoras, que não deve se relacionar com qualquer homem. Esses tipos de filme são para destruir os homens através das emoções, falindo financeiramente. Essa é a ideia principal, falir os homens através do sexo, pois existe um ditado do serviço de inteligência que fala: “Toma tudo de um homem, a sua casa, propriedade, carro, etc que ele ficará calmo feito cordeirinho!”. Ou seja, ódio aos homens, porque os governos sabem que somos fortes, temos disposição de dar porrada, trocar tiro, não somos sentimentalistas, mas usam o nosso ponto fraco que são as mulheres. Nós somos ameaças para os governos, por isso, usam as mulheres para nos destruir, não esqueçam de que o feminismo foi criando por homens como Fundação Ford e Rockfeller.

Existe o lado bom do feminismo, que é devemos superar as paixões ou seremos destruídos por eles. Ensinar a Real para as mulheres é a mesma coisa um macumbeiro querer ensinar um evangélico, é pura perda de tempo, então devemos focar e trabalhar em nós mesmos e não nas mulheres. Nós estamos no mundo não para satisfazer os nossos sentidos, mas sim ser senhor dele, não seja escravo das suas emoções, agindo sempre com a racionalidade.

Sejam felizes e superam as paixões!

Márcio de Andrade


Um comentário:

  1. O problema das mulheres é que quando você pensa que está no controle, elas ja estão te controlando.

    ResponderExcluir