quinta-feira, 9 de junho de 2016

Pai solteiro.



Acredito que esse assunto nunca foi falado dentro da Real, qual a opinião sobre os pais solteiros, aquele que cria o filho sem a presença da mãe, como ele seria visto na sociedade e principalmente dentro do movimento masculinista. As feministas sempre falam que as mães solteiras são discriminadas e o pais solteiros são vistos como “heróis” e não são cobrados na sociedade, mas será que isso é verdade?

Antigamente quem tinha a preocupação de não aparecer grávida eram as mulheres, não iam para cama com qualquer homem, se ia tomava todos os cuidados para não engravidar, mas o feminismo tirou essa responsabilidade delas, jogando para os homens, que deveriam ter a mesma preocupação, que a responsabilidade não era somente delas. Então as mulheres não se preocuparam mais de engravidar, jogando assim a responsabilidade nos homens. A ocorrência disso tudo, houve uma geração de filhos indesejados, ocorrendo assim mães e pais solteiros.

Uma vez passou um documentário interessante na TVE sobre adolescentes homens, que se tornaram pais cedo, como era a vida deles. Achei o documentário interessante, porque sempre mostra o lado das meninas e nunca mostra o lado dos meninos, que são discriminados tão quanto como as meninas. Eles são xingados na rua, todo mundo fala para eles: “Engravidou a menina e não assumiu o filho!”, “Mal saiu das fraldas, já fez filhos!”, “Você é irresponsável!”, ou seja, ele é cobrado da mesma maneira que a mulher. Mas, a propaganda feminista diz, que ele é exaltado como herói, que não existem cobranças em cima dele, jogando assim a culpa somente na mulher.

Mostrou como a vida desses jovens são destruídos, baixo autoestima, pois deve encarar compromissos que não são compatíveis com a idade dele, muitos param de estudar para começar trabalhar para sustentar o seu filho. Trabalham em subempregos porque ainda está começando a vida, dá duro todos os dias, ainda assim não são reconhecidos na sociedade. Pior de tudo a mãe irresponsável joga o filho para a família do homem criar, sumindo do mapa e o jovem sofre discriminação dentro da própria família. Os sonhos são destruídos, são discriminados na sociedade e na família, assumem responsabilidades que não estão preparados, mas mesmo assim o feminismo fala exatamente o contrário. E ainda existem casos que o homem é ameaçado pela família da mulher, que às vezes deve fugir para salvar a própria vida.

Conheço inúmeros casos de pai que sustenta filho sozinho, não consegue arrumar uma companheira, pois elas não querem se envolver com homens que já tem filhos. Mas, quando os homens não querem se envolver com mães solteiras, existe todo um escândalo, chamando-o de machista. Ou seja, o preconceito existe nos dois lados, mas a sociedade faz pensar que só existe preconceito com as mães solteiras.

No filme do Will Smith mostra como ser pai solteiro

O que existe na realidade é que as mulheres ganharam o monopólio da critica, somente elas que podem criticar, mas quando sofre criticas a arte do vitimismo sempre se manifesta. O feminismo tem uma técnica muito interessante, cria no imaginário da sociedade que as mulheres são puras, não possuem defeitos, que são livres de toda espécie de preconceitos. A realidade é dura e cruel, as mulheres são uma fabrica de preconceitos, pois isso gera uma confusão muito grande na mente dos homens, levando-o a uma tortura psicológica muito grande, porque acreditam que elas não possuem preconceitos, mas quando vê a realidade, ele pode enlouquecer.

Pais solteiros sofrem por criar os filhos sozinhos, muitas das vezes abandonadas pelas mães, pois sempre falam que os homens são irresponsáveis e as mulheres não. Porque falam sempre de pai irresponsável e não de mãe irresponsável? Mães que espancam os filhos, ninguém fala nada, mas quando pai bate existe todo remorso e ódio sobre ele, até mesmo por parte do filho, que estava apenas sendo educado?



Cada ser humano é livre para escolher com quem quer se relacionar, assim como elas não querem se relacionar com pais solteiros, nós também temos o direito de escolher de não se envolver com mães solteiras. Pai solteiro sofre discriminação na sociedade, mas ninguém fala nada, porque já existe no imaginário da sociedade, que todos os homens são irresponsáveis, maus, sem sentimento, ou seja, um demônio na forma humana.

Vou ser sincero com vocês, o feminismo venceu a guerra, pois está em todos os setores da sociedade, televisão, cinema, teatro, literatura, universidades, ou seja, existe um marketing forte, que torna impossível de lutar contra, a lavagem cerebral está muito grande que torna irreversível a situação, o que a Real propõe é apenas um mecanismo de defesa, como se defender desse sistema que enlouquece tanto os homens e as mulheres. Isso se chama “Guerra Psicológica” que visa destruir não o corpo do inimigo, mas sim a sua mente, levando-o a tortura psicológica, paranoia e até mesmo a loucura.

Sejam felizes e superam as paixões!


Márcio de Andrade

5 comentários:

  1. Pai solteiro ainda tem que pagar pensão, mãe solteira recebe a pensão.
    Como pode mãe solteira sofrer mais pressão que pai solteiro?
    Ela não acorda todo dia com medo de perder o emprego, ser preso or não ter dinhdiro pra pagar pensão e ainda aparecer no datena sendo chamado de " saf4do que não paga pensão pros filhos" e quem assiste repetindo em coro: " homem não presta"... A midia não fala que ele perdeu o emprego por culpa do joguinho da elite que chamam de economia e da corrupção.
    Trabalha 5 meses pra pagar impostos e 4 pra pagar pensão ou vai preso na hora!

    ResponderExcluir
  2. Tenho um parente um primo meu que a mãe, viuva, era dona de um hotel e amiga de um agregado. O meu primo, cabra metido a valente, depois de ver essa situação resolve matar o pobre velho. E matou! Depois de um tempo ele se livrou do corpo jogando num rio aqui no meu estado! Ninguem nunca achou o corpo! Isso por ciúmes do filho. Para com a Mãe! E eu vou lá querer saber de me relacionar com mãe solteira pra passar pela mesma situação! Tô fora! Quanto a ser pai solteiro... Bem já tenho quase 40 anos e não me relaciono com mulher. Sou Relationship Striker. Seria ótimo ter uma cópia de mim no mundo mas...fico só o resto da vida! Depois de 13 anos sem mulher a gente acaba perdendo a sensibilidade. Engraçado eu não tenho essa paranóia que a mulher tem de envelhecer sozinho. Vivo bem comigo mesmo. Esse lance de colocar filho no mundo pra sofrer é coisa de homem "mulherzinha!"

    ResponderExcluir
  3. Uma mãe solteira até consegue arrumar algum paspalho mesmo com o bastardo. E o pai solteiro? É discriminado sem dó.

    ResponderExcluir
  4. Tenho 36 anos, sou pai solteiro e me sinto discriminado no dia a dia em nossa sociedade.

    Essa semana levei meu filho na pediatra da emergência de um hospital infantil, uma médica que nunca tínhamos ido, e minha atual namorada pediu para ir na consulta. Simplesmente a pediatra nem olhou e nem falou comigo na consulta, sempre se dirigindo à minha namorada na hora de falar sobre o meu filho. Como se eu tivesse ido ali só para carregar o bebê. Depois da consulta, fui procurar um lugar para trocar a fralda de meu filho e, como acontece na maioria das vezes, só tinha trocador no banheiro feminino. Fiquei muito irritado com essas duas situações seguidas e no final, me intrigou a indagação de minha namorada: "isso acontece porque a sociedade é machista".

    Estou cansado de escutar que tudo é culpa da sociedade machista. Ter um trocador de bebê para as mulheres usarem e o chão para os homens é machismo??? Para mim isso é um privilégio que eu só teria se tivesse nascido mulher.

    Além de outras situações que passo no dia a dia... É impressionante como as pessoas te olham, e principalmente as mulheres, quando você está cuidando de um bebê na rua. Me sinto um alienígena! Já fui a um churrasco de amigos de minha namorada com o meu filho no colo e foi uma situação muito constrangedora. Todas as mulheres, jovens e idosas, me olhando com um olhar crítico, como se eu estivesse fazendo algo errado. Os homens estavam comendo carne e pulando na piscina.

    Muitos falam que é machismo, eu não sei se é bem por aí. Segundo essa teoria tudo é machismo, mas muitas vezes são situações cometidas por quem defende o feminismo. Há algum paradoxo que ainda não consigo entender. Deve ter alguma "letrinha pequena" nessa propaganda..

    Em geral, vejo tratamentos bem diferentes quando sou atendido por homens ou por mulheres. É chato perceber que a pediatra acha que, por eu ser homem, não tenho condições de saber o que o meu filho está sentindo, como se eu servisse só pra carregar e pagar a pensão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara. Na boa. Vou te contar uma coisa. Um dia uma mulher me veio com uma dessas observacoes fantasticas de modo ofensivo e eu simplesmente disse que nao responderia a ofensa porque meu tempo vale muito para ser gasto com isso, inconformada e disse que nao queria falar nada porque nao tinha argumentos, eu simplesmente respondi, me de coisas uteis para preencher meu tempo que posso te dar argumentos e educadamente pedi licensa. Pessoas como essas que voce citou sao doentes e alienadas e nao tem capacidade mental para compreender o que voce faz.Sao avatares. Agora eu te pergunto. Porque se importa com seres assim? Voce tem a voce e seus filhos. Nao se importe com o resto pois nao dao a minima para voce. Eles falam porque sao criaturas acefaladas incapazes de produzir ideias ou coisas do genero para desenvolver uma conversa racional, e simplesmente copiam um do outro atitudes idiotas para nao parecerem estranhos e fora da "socie...pf..dade". Entao como diriam os Pinguins de Madagascar. So sorria e continue acenando... Esta dada a dica...

      Excluir