quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Budha derrota o demônio.





Fui educado e disciplinado dentro da filosofia budista, estudei durante 16 anos no mosteiro aqui no Rio de Janeiro, e ia me ordenar monge em Sri Lanka na tradição Therevada, que significa “Escola dos Antigos Anciões”, pelo Venerável Monge Vipassi, foi mais do que um mestre, um grande amigo, o considerava como meu pai, mas infelizmente faleceu em 2006.

Apesar de convertido ao hinduísmo, ainda carrego dentro de mim, muitos conceitos budista, tendo ainda um enorme respeito pela imagem do Budha. Estudo também filosofia taoista, tendo muito conhecimento em filosofias orientais. O que o hinduísmo, budismo e taoísmo têm em comum, todos eles falam a mesma coisa, aprender a controlar os sentidos, pois todos os sofrimentos humanos são ocasionados de querer satisfazer sempre os sentidos. Todos buscam o dinheiro, ninguém busca a consciência, todos querem ir para o Céu, mas ninguém quer pagar o que deve.

O desenho não deve ser levado ao pé da letra, o que aconteceu com o Budha foi internamente e não externamente, mostrando como estava a sua mente, lutando para não sair do cativeiro material. A mente tem vontade própria, que não corresponde com a nossa vontade, por causa do condicionamento social, fazemos coisas contra a nossa vontade, nos levando para o sofrimento e destruição.

O apego na sociedade, amigos, família, filhos, mulher amada, animal de estimação, etc, são fontes do nosso sofrimento, porque acreditamos que a nossa felicidade depende dos outros, nos tornamos materialistas, por isso, que não aceitamos as perdas. Quando não aprendemos a controlar os sentidos, queremos sempre a aprovação dos outros, queremos ser aceitos, mas não reparam que vivem na mentira e no artificialismo, mas quando a realidade bate na sua frente, te derruba fortemente.

Todos os sofrimentos humanos são ocasionados ao envolvimento excessivo com a matéria, procurando felicidade nas coisas materiais, devido às satisfações dos sentidos, ficará aprisionado no cativeiro das paixões. Como viciou o seu corpo, perderá o controle sobre ele, mandará em você como escravo, levando-o aos caminhos mais perigosos da sua existência. 

Tanto os Vedas e Budismo, referem esse mundo como “Planeta da morte”, “Mundo dos sofrimentos”, a cada segundo nesse planeta estamos correndo perigo. A falta de controle dos sentidos sempre irá te colocar em perigo, irá atrair pessoas que nunca lhe trará felicidade, frequentará os piores lugares, desenvolverá uma revolta adquirindo comportamentos delinquentes, consumirá drogas e álcool, tornando promiscuo e sempre será escravo do outro, preso nos cativeiro das paixões.

Na parte das mulheres que aparecem para o Budha, não são espíritos femininos que foram lá para atormentá-lo, mas sim, representam as mulheres do nosso dia a dia, onde conhecemos na escola, faculdade, trabalho, etc, que usam o seu poder de sedução para conseguir os seus objetivos. Todas as mulheres que usam a sedução para tirar vantagem dos homens são classificadas como demoníacas, porque não medem as consequências dos seus atos, para atingir os seus objetivos. Como mostrou no desenho, elas são bonitas por fora, mas por dentro são demônios. Engraçado como a beleza esconde o lado negativo da mulher, “Ela é demoníaca, mas é bonita!”, “Ela não presta, mas é bonita!”, “Ela é fdp ,mas é bonita!”, muitas das vezes o homem sabe que vai se afundar, mas dai, o que importa que ela é bonita.


Budha disse: "A principal meta do homem é superar as paixões!"
Usar o sexo para controlar a sociedade é uma técnica antiga, desde os tempos antigos, sempre usaram as mulheres na forma de destruir os homens, apesar de que nos ensinam ao contrário. Não adiantará nada, você trabalhar, estudar, arrumar um bom emprego, pois se não aprender controlar os sentidos, desapegar do mundo, seu destino está traçado de perder tudo para uma mulher. Sexo e dinheiro estão relacionados, pois quando a área sentimental vai mal, tudo na sua vida será afetado. Do que adianta ser rico e bem sucedido, mas está maluco, traumatizado, complexado, todas as noite antes de dormir, chora feito criança, sempre se lamentando e preso no passado? Do que adianta ter dinheiro, mas as pessoas te enxergam como uma merda? Do que adianta ter dinheiro, mas as pessoas te odeiam e querem te ver morto? Do que adianta ter dinheiro, mas não tem paz de espirito? Do que adianta ter dinheiro, mas os filhos te odeiam?

Como o Senhor Budha disse: “O que é mais importante na vida, ter a pessoa amada ou superar as paixões, ser independente emocionalmente do outro. Digo para vocês, ser independente emocionalmente é mais importante, porque mesmo tendo a pessoa amada do seu lado, a vida não te dá garantia que ela irá ficar sempre no seu lado, pode acontecer uma tragédia e perde-la ainda cedo. Nada é para sempre, quando terminar irá sofrer, porque você depositou todo o seu amor no ser que poderia partir a qualquer momento, devido a fatalidade da vida!”.

Engraçado, o homem pode estar casado há, 20, 30, 50 anos, mas no dia que a esposa falece, parece que a sua amada nunca existiu, parece que foi tudo um sonho que acabou rápido ficando apenas as lembranças. Somos educados para ser apegados nos outros, criamos o mito do amor romântico, mas tudo são invenções da nossa mente, por isso, que sofremos. A vida não é má, ela quer apenas nos ensinar, não aprendemos porque somos burros.

Que o Budha Seja Louvado!

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade



terça-feira, 29 de novembro de 2016

O domínio através dos traumas e complexos


Com o mito que existe a sua alma gêmea, já causou vários traumas nos homens
Umas das mais crueldades que um ser humano pode fazer com o outro é fazê-lo sentir vergonha de si mesmo, colocando nele uma prisão psicológica, uma espécie de prisão sem muros, em que o prisioneiro não tem para aonde ir. Sem rumo vida, ficará perdido, preso nos vícios, por causa da sua carência ficará preso no cativeiro das paixões. Uma prisão sem muros, mas a sua mente está engaiolada. 

Colocar trauma e complexo na sociedade é a forma mais eficiente de domínio social, porque gera todos os tipos de bloqueios mentais, impedindo o seu desenvolvimento, gerando assim a energia da estagnação. A energia da estagnação é gerada através das decepções da vida, todas as pessoas que conheceram o preconceito e a discriminação, tem a tendência de ficar anulado para a vida, não tendo forças para sair da situação que se encontra. Às vezes a pessoa é agressiva, intolerante e estupida com os outros, porque no fundo ele sente solidão, então como meio de defesa acaba se isolando do mundo.

Foi uma estratégia perfeita, através dos meios de comunicações, tornaram as mulheres interesseiras, fazendo-a perder a capacidade de amar um homem, ama somente o que pode oferecer a elas. Então elas irão rejeitar os homens de pouco status social, mesmo estando apaixonada por ele, mas vão preferir os destacados, mesmo sendo um marginal. O homem irá se sentir rejeitado, irá gerar um trauma, sofrerá amarras mentais, não terá forças para reagir, por isso, que muitos entram nas drogas e álcool, ficando agressivo, podendo se tornar um mendigo.

A estratégia do serviço de inteligência foi desenvolver trauma e complexo na sociedade, incentivando as paixões, fazendo as pessoas perder a razão, caindo assim no caos. Não existe a pior coisa do mundo, a dor de estar apaixonado, parece que abriram a sua mente e colocaram ácido nela, derretendo os neurônios, tendo insônia e pesadelos, sugando a sua energia, por isso, que se encontra sempre cansado.


Não teve amor dos pais, então procura carinho nos braços de uma mulher.
Mas, mal sabe que isso será a sua destruição.

As vezes o homem não teve carinho da mãe, pai, irmão, irmã, tia, ou seja, de parentes, então procura suprir a sua carência nos braços de uma mulher. Existe toda uma mídia que mostra um amor romântico, fazendo acreditar que irá encontrar a sua alma gêmea, mas não corresponde a realidade. Isso é feito de proposito, fazer filmes, novelas, seriados, na intenção de prender o homem no cativeiro das paixões, pois quando o amor não é correspondido, ele terá trauma e complexo, gerando estagnação e não será uma ameaça para o governo. O trauma gera o congelamento na pessoa, tira o poder de ação, e o complexo torna o próprio corpo em instrumento de tortura, fazendo com que fique insatisfeito com o corpo.

Na minha experiência afirmo: “As paixões geram os bloqueios, tirando totalmente a racionalidade do homem, e com isso ele não se desenvolverá, ficando estagnado na vida. As paixões desenvolvem o medo, pois o medo é a melhor forma de dominar a sociedade através do trauma gerado através das paixões, onde geram todos os bloqueios!”.

Fobias, medos, traumas, ansiedades, complexos, etc, estão relacionados com a destruição, que “corrói” a alma humana. A mídia incentiva os prazeres mundanos “Viva a vida! Vai ser feliz!”, pois o estilo de vida do gozo dos sentidos, destrói o poder de ação da pessoa, gerando a preguiça e faz o individuo perder a capacidade de raciocinar.

A mídia faz as pessoas sonhar acordado, pois a fantasia tira totalmente da pessoa a capacidade de questionamento e de reflexão, ficando preso no cativeiro material. O mal do ser humano, que ele sempre fantasia não enxergando a realidade desse mundo, por isso, que ele no final sempre se lamenta. Todas as lamentações é a falta de reflexão da vida que levava, que não tomou consciência do que aconteceu com ele.

Em ponto de vista de inteligência, incentivar as paixões na sociedade é uma estratégia perfeita de destruição das massas, pois o governo não precisará matar ninguém, somente jogar as pessoas umas contra as outras, incentivando o sexo livre, geram os traumas, fazendo a pessoa perder a razão, assim o homem irá matar a mulher ou cometer suicídio. 

No final todos saem perdendo, tanto os homens e as mulheres, todos estão traumatizados, as mulheres sofrem bombardeios 24 horas por dia, de domingo a domingo, que homens não prestam, são maus e estupradores, tudo na função de separar os dois, gerando trauma coletivo, fazendo as pessoas ficarem estagnadas na vida. Por isso, em vários textos meu sempre cito que os serviços de inteligência estão usando sexo como arma de destruição de massas, visando à destruição da sociedade, aniquilando assim o seu principal inimigo: os homens. 

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade



segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Quem está no poder

Economistas que decidem o futuro da nação

Márcio achei muito interessante o texto. Me pergunto só uma coisa, quando vc fala que é isso que o governo quer é afeminar os meninos , com o tempo esse mesmo governo não seria parte desse todo e até ele mesmo num seria parte desse processo? Não faz sentido ele fazer isso e ele mesmo ser prejudicado, já que os meninos de hoje serão o governo de amanhã. Se possível explica melhor esse lado. Enfim como o governo quer isso se ele mesmo seria prejudicado?
Raphael Dias de Oliveira

Existe um mito na sociedade, as pessoas acreditam que o governo depende de nós para a sua existência, engano seu, nós somos descartáveis para ele, a sociedade ainda não se conscientizou, que os governos têm ódio mortal pelos seus cidadãos, que a estrutura do seu poder é na base do terror. Eles falam que os cidadãos obedecerem às leis, não é garantia de nada, poder é fazer o outro sofrer e destruir a sua mente e moldá-la de acordo com a vontade do opressor.

Quando comecei participar no grupo de inteligência do governo, entrei mesmo sem querer, nada foi planejado, mas sim a vida me empurrou para esse caminho. Irei falar resumidamente, quando entrei na faculdade de jornalismo, na época fiz um curso chamado “código de defesa do consumidor”, a professora tinha exibido alguns vídeos ao longo do curso, ela diz: “Quer ver mais sobre esse vídeo, procure na biblioteca da Fundação Getúlio Vargas!”, localizado no bairro de Botafogo, Rio de Janeiro. 

Então tinha seguido o conselho dela, fui à Fundação Getúlio Vargas, pedi para ver os vídeos institucionais, aprendendo sobre economia e administração. Mas, não sabia o que me esperava, na época havia várias reuniões, palestras e aulas, onde pedia para ser ouvinte das aulas. Lá pude observar, que são os economistas, onde controlam a sociedade, eles atuam nas leis subordinando o judiciario. Os economistas chegam ao judiciário e falam: “Quantos vocês querem para mudar as leis!”. Economistas e administradores públicos são piores do que psicopatas, eles estudam somente na intenção de destruir a sociedade. Eles possuem corpo de cientistas que trabalham somente para eles, pois ficam com a informação verdadeira e passa informação falsa para o público.

Depois estudei na Casa Histórica de Cultura Judaica, localizado também no bairro de Botafogo. Como já disse antes, é muito difícil saber informações verdadeiras dos judeus, eles são reservados e cuidadosos para não deixar passar nenhuma imagem negativas sobre eles. Lá havia um professor israelense, que falava toda a verdade do povo judeu, porque eles foram perseguidos durante os séculos. Os judeus têm uma coisa engraçada, no pensamento deles, todo mundo é burro, somente eles são inteligentes, porque os livros científicos são escritos por eles. Os judeus riem da cara dos cristãos, dizendo as teorias cientificas são tudo inventados por eles. São eles que decidem o que vai ser ensinado nas escolas, tudo tem que passar pelo conceito judaico e maçônico.

Muitas pessoas acreditam que o serviço de inteligência é realizado por militares, então enganados, quem faz isso são civis como economista, judeu e maçom, são eles que financiam as pesquisas e decidem o que deve ser divulgado na sociedade. Então não tive muita dificuldade de saber como funciona o serviço de inteligência, tinha a informação direta da fonte, pois a primeira coisa que faz é desinformar a sociedade, que as falsas noticias são os primeiros atos de guerra, induzindo população a erro.


General Heleno deu uma palestra na maçonaria.
As forças armadas são putas da maçonaria e do poder econômico. 


Muitos acreditam que o governo precisa de nós, por causa dos impostos, sem o dinheiro do contribuinte, eles não iriam existir. Engano seu, por incrível que pareça, eles não precisam do nosso dinheiro, pois o imposto nos dias atuais é uma forma de punição do governo no povo, para prejudicar e rastrear o que a pessoa está fazendo. Eles não precisam do nosso dinheiro, porque eles têm a máquina de imprimir o dinheiro, pode imprimir a quantia que quiser, sem precisar do nosso dinheiro. Tanto que é verdade, que as notas velhas são incineradas, porque papel não tem valor algum. A moeda deles é o ouro, petroleo,pedras preciosas, etc. 

Quando você entra na panelinha deles, a primeira coisa que sofre é um processo de reeducação, eles falam para esquecer-se de tudo o que aprendeu na escola e faculdade, começando assim uma nova doutrinação. Eles começam a contar a verdadeira história, como controla a sociedade, usam a economia para manter povos submissos, etc.

Uma vez participei na Fundação Getúlio Vargas, uma palestra da ONU, e pude ver claramente que os movimentos sociais como movimento negro, indígena, feminista, LGBT e cia, são financiados por grupos de economistas internacionais, visando destruir a economia dos países inimigos. Os militares não são nada, são apenas fantoche nas mãos dos economistas, judeus e maçons, onde usam os meios de comunicação para desinformar a sociedade, induzindo sempre ao erro. Militares não são patriotas, sentem nojo da população brasileira, porque eles são prostitutas da maçonaria, judeus e economistas. 

Foram os economistas, judeus e maçom que financiaram o feminismo, porque destruindo o sexo masculino, não irão ter opositores, por isso, que o judiciário estão a favor das mulheres, onde são excelentes máquinas de engenharia social. Lembra-se que o governo é o nosso inimigo, possuindo um ódio mortal por nós.

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade



domingo, 27 de novembro de 2016

Sun Tzu a arte da guerra das mulheres.

O grande general chinês Sun Tzu.

O grande general chinês Sun Tzu disse a importância do estudo da guerra, que a sobrevivência da sociedade e da nação, depende exclusivamente saber como funciona as estratégias criadas pelos países inimigos. A função é ganhar uma batalha com as perdas mínimas de soldados, ganhar fazendo pouco esforço e destruir os inimigos não fisicamente, mas psicologicamente. Quando jogaram a bomba atômica em Hirohima e Nagashaki, os japoneses entraram em desespero tão grande, que muitos não aguentaram, e cometeram o suicídio. Na guerra psicológica funciona sob o mesmo aspecto, provocar um estado mental de desespero no inimigo, que chega a tal ponto de cometer assassinato ou suicídio, pois o nome dessa técnica se chama “Bomba atômica psicológica”.

A Arte da Guerra tem a função de fazer com que o inimigo não reage mesmo sendo atacado, pois na Segunda Guerra Mundial, usaram muito essa técnica, onde os aliados jogavam panfletos para os inimigos, para não reagir os ataques, por incrível que pareça, funciona essa técnica.


Uma estratégia de guerra, usar o humor como forma de violência.
Imagina se fosse o contrário.

As feministas usam essa técnica, quando falam “Nada justifica a violência contra a mulher!”, “Não deve culpar a vitima, mesmo que esteja errada!”, “Não podemos julgar ninguém!”, “Só Deus pode julgar!”, etc, são feitos de propósitos na função de derrotar os homens, fazendo com que não reaja, mesmo sendo agredido, por uma mulher.


Afeminar os meninos foi uma estratégia perfeita para
não precisar lutar contra eles no futuro,

Por exemplo, nos anos 80, os americanos começaram a fazer filmes de artes marciais, falando que um verdadeiro lutador nunca deve lutar, porque tinha conhecimento de lutas, deveria deixar o outro bater nele. Nessa época vi muitos faixas pretas apanharem na rua, não reagia, porque tinham visto no filme, que o lutador nunca deveria revidar as agressões. A técnica consiste em provocar bloqueio no outro, mesmo sendo agredido, não revidará, porque a propaganda ideológica causou uma censura tão forte, que nada justifica a violência. 


Estude o seu inimigo, mas não deixe o seu inimigo obter informações certas sobre você.
Quando fala “Violência gera mais violência!”, é uma frase de efeito fazendo com que o individuo não reaja mesmo sendo agredido. Quando a mídia fala “Não reage o assalto!”, “Não agredi o assaltante!”, na realidade, eles falam isso, não na intenção de proteger o cidadão, mas sim o criminoso. O governo só pode exercer o seu poder através do terror, do sofrimento das pessoas, eles conseguem mais poder, através da destruição do seu emocional.


Elas derrotam os homens através da juventude e beleza.
Maldito o homem que se deixa seduzir por elas. 
O feminismo foi uma excelente arma de guerra psicológica, como as mulheres não possuem força física, então usam o emocional para destruir os homens, pois elas possuem uma arma mortal, que a força da sedução. Ao longo da história humana, vários reis, príncipes, imperadores, generais, etc, todos eles tinham uma característica em comum, gostavam muito de mulheres e foram derrotados por elas. Todos os homens que pensa em sexo, se tornarão escravos delas, perdendo a sua dignidade, causando assim a sua falência financeira, pois vale a pena lembrar que a maioria dos mendigos são homens, aonde chegaram a esse estágio por causa de relacionamentos fracassados.

Homem que gosta muito de mulher, será derrotado por elas, a mesma coisa acontece na natureza, onde as fêmeas possuem um enorme poder sobre os machos, algumas espécies de insetos, a fêmea devora o macho depois do acasalamento, pois no reino humano funciona a mesma coisa, onde a mulher devora todos os bens do homem, além de destruí-lo emocionalmente.


Objetivo da luta contra o machismo é tirar o espírito guerreiro do homem.
Foi uma estratégia perfeita usar as mulheres para destruir a masculinidade do homem.
A estratégia feminista foi perfeita, primeiro tornou a mulher materialista, promiscua, e tirou todo o senso critico, tornando-as psicopatas. As psicopatas são assim, não possuem sentimento de culpa, sempre acham vitimas do mundo da qual se deve vingar sempre, quando sofre justiça acredita que foi injustiçada. Muitas mulheres sofrem de mitomania, é quando acredita na própria mentira, por isso que elas berram, faz escândalos, querem processar aqueles que são contra ideias doentias delas.

O Sun Tzu também diz para dominar um país, primeiro deve destruir o seu exercito, principalmente os homens, que são responsáveis de defender a sua cidade, estado e país. O ódio deve ser voltado exclusivamente para os homens, porque as mulheres não são perigosas para o governo, mas os homens são, eles pegam em armas, trocam porrada, estão dispostos a dar a sua própria vida em defender a sua família, então o alvo principal são o sexo masculino.


Meninos Brincando de boneca, quando crescer vão sentar nela.

Em todas as gerações e culturas do mundo, o homem foi educado para a Arte da Guerra, foram educados para serem guerreiros, mas agora deve fazer o contrário, afeminá-los para não representar perigos para o governo. Usar as mulheres para enfraquecê-los e desmoralizá-los, pois por mais valente seja o homem, quando ele perde tudo, ficará calmo feito cordeirinho.

Por isso, incentivar o homossexualismo, para que no futuro, governos não precisam lutar contra os homens, cria-los para ser covarde e nunca reagir quando apanhar de alguém, principalmente de uma mulher. Incentivando o homossexualismo irá diminuir a população, pois quando menos pessoas tiver, mais fácil fica de dominá-los, ainda mais é uma vingança do governo na sociedade, porque nenhum pais quer que o seu filho seja homossexual. Vivemos na era da desmoralização, pois não existe uma coisa mais desmoralizante para os pais ver o seu filho homossexual e a sua filha uma vadia. 

Sejam felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade




sábado, 26 de novembro de 2016

A luta contra o machismo


Porque no comercial não fez o contrário, mandou a menina dar um tapa no menino para ver a reação dele? Quero ver ele ter a mesma atitude quando crescer, quando a mulher dar um tapão na cara dele.

As feministas não medem as consequências dos seus atos, estão dispostas ir até ao fim, na intenção de derrotar os homens, então covardes como são, estão indo diretamente na infância do homem, porque a criança não tem discernimento da realidade que o cerca. Escola procura educar os meninos para respeitarem as meninas, que elas são livres para fazer o que querem, se vestir como querem, transar com quantos querem e assim por diante, criando na mentalidade dos meninos, que elas são livres e isentas de criticas.

As feministas fez a cabeça dos educadores, que a violência contra as mulheres, são culpas dos homens, porque não foram educados para respeitá-las, onde principalmente o pai educou o filho para ser comedor. Na mentalidade doentia delas, todos os homens foram educados para ser comedor, tratar mal as mulheres, vendo como apenas objetos sexuais.

Mas, o que essas doentes não sabem, que a grande maioria dos meninos foram educados para respeitar as meninas, onde tinha a obrigação de tratá-las como deusas, com muito amor e carinho. Todos os homens cresceram ouvindo que a mulher gostava de homens bons, de caráter e romântico, mas quando cresceu viu uma realidade dura e cruel. Aqueles que nasceram sem status, sentiu a triste realidade de ser discriminado pela sua amada, onde foi trocado por um marginal endinheirado.

Na infância fui educado na escola e pela família (principalmente as nossas mães que nos ensinam a ser mangina), que deveria respeitar as meninas, chegando a tal ponto, quando elas queriam dar para mim, não fazia nada, porque pensava que estava desrespeitando-a. Todos os meus sentimentos foram reprimidos, principalmente a parte do sentimento amoroso, porque acreditava mostrar os meus sentimentos, estava querendo fazê-la de objeto. 

Lembro quando os caras falavam, “Todas as mulheres são safadas, putas e interesseiras, elas gostam de ser esculachadas!”, na minha inocência de adolescente pensava “Que caras babacas, não respeitam as mulheres? Elas gostam de ser bem tratadas e todas merecem amor e carinho. Eles não têm irmã?”.  A realidade foi cruel comigo, porque esses caras que esculachavam as mulheres, sempre tinham a companhia delas, mas eu que as respeitavam, sempre ficava sozinho. 

Com o tempo as coisas foram piorando, tinha conhecido várias mulheres, mas sempre me encontrava sozinho, quando arrumava uma namorada, elas me substituíram por homens de status superior. Já tinha acontecido comigo várias vezes, a mulher me abandonar porque era pobre e depois aparecer grávida de outro homem de status, isso tinha afetado muito a minha mente. Elas falavam na minha cara, que não iria se relacionar com homem pobre, porque se sentiam diminuídas quando me apresentava para as amigas delas.

Isso é apenas um pequeno relato, realidade de muitos homens que não nasceram ricos, pois isso era muito discutido na época do Orkut, homens que se sentiam enganados pela propaganda feminista, de que as mulheres amam homens românticos. A realidade foi dura, porque percebi que elas são interesseiras, elas não medem as consequências dos seus atos, mesmo sendo uma “mulher de família”, são interesseiras, se relacionam somente com homens de status superior, mesmo sendo um marginal, bandido ou assaltante.

Uma vez o jornalista Datena realizou uma matéria interessante, mostrando que mais 90% dos casos de violência contra as mulheres, aconteceu porque estavam envolvidas com homens de maior periculosidade, todos eles tinham passagens na policia, com uma longa ficha policial. Nenhum deles eram homens direitos, honestos e trabalhadores, pois esses são repugnantes aos olhos delas.

O maior problema das mulheres nos dias de hoje, elas acreditam que podem resolver todos os seus problemas através da propaganda, mas esquecem de que a realidade é superior do que a propaganda. Não adiantará nada educar os meninos respeitar as meninas, pois a princípio pode funcionar, mas no dia a dia, os meninos vão ver a triste realidade das mulheres.

Elas estarão cavando a sua própria sepultura, porque o que acontece com uma falsa propaganda? Dá ódio e revolta, porque a pessoa se sentiu enganada, isso que irá acontecer com elas no futuro, porque os meninos depois de adulto verão uma realidade diferente do que foi ensinado a eles. Vão começar a perceber que elas sentem nojo dos românticos, que amam os cafajestes e o que importa são coisas materiais, não amam os homens, amam somente o que pode oferecer a elas.

Acredito que a violência contra as mulheres vão aumentar no futuro, porque o feminismo tirou o senso critico delas, para elas não existe culpa e erro, onde preferem jogar todas as suas culpas no sexo masculino. Acredito que no futuro haverá mais homens revoltados e violentos, porque sentirão enganados, chegando até mesmo assassinar autoridades como juízes, advogados, legislativos, etc.

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade





segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Feministas defendem criminosos



Direitos Humanos é uma organização criminosa, visando destruir os países inimigos, usando uma psicologia de culpa social, objetivando inocentar os criminosos, alegando, que é uma vitima social. Ideologia ensinado nas escolas e universidades, está tornando a sociedade brasileira, um paraíso dos criminosos, onde tudo pode fazer e nada deve ser questionado.

O feminismo foi a principal arma de engenharia social, foi extremamente estrategista jogar a metade da população contra a outra, havendo assim guerra dos sexos, mas as coisas foram mais além, chegando até ao ponto de defender criminosos, estupradores, corruptos, etc. Existe uma frase da inteligência que diz: “Para conseguir o poder, não é através da razão, mas sim somente na contradição. A contradição faz com que a pessoa não pensa, agindo pela emoção, faz o que nós mandamos. A base do poder é somente na contradição!”. 

Isso é verdade, nós vemos que o feminismo é cheio de contradição, por exemplo, reclama que os homens fazem delas de objetos sexuais, mas elas falam que faz o que quer com o corpo. Falam que todos os homens são estupradores, mas são contra a castração química. Falam que todos os homens são assassinos em potencial, mas são contra a pena de morte, e assim por diante. Isso significa que perderam totalmente o senso critico, sofrendo assim uma lavagem cerebral, levando assim a sociedade para a destruição.

Pessoas que sofreram lavagem cerebral não existe dialogo, o que for falar será pura perda de tempo, o pior de tudo, pode sofrer retaliação, perdendo emprego, reprovação na faculdade e ficar com o filme queimado.

No Rio de Janeiro, os traficantes derrubaram o helicóptero da policia, então os policiais realizaram uma operação e mataram 7 traficantes na comunidade. Saindo do metrô, ouvi a conversa de 2 mulheres, que se declaravam feministas, criticando a atitude dos policiais, dizendo: “Só porque morreu 4 policiais, por vingança mataram 7 traficantes na favela, a pior parte que a população está apoiando atitudes desses covardes, porque a sociedade é racista, retrograda,  fundamentalista, e principalmente fascista!”.  

Na semana passada no programa de Fátima Bernardes, realizou uma enquete perguntando quem deveria socorrer primeiro, se era o policial ou o traficante, por incrível que pareça, as pessoas votaram que o traficante merecia ser atendido primeiro e não o policial.

A desculpa esfarrapada é a mesma de sempre, que o rico faz coisa errada e nada acontece, e o pobre quando faz alguma coisa errada vai preso. Em vez de pedir justiça social, pedindo a prisão do rico, não, faz ao contrário, pois os pobres querem fazer merda e não ser julgado pelos seus atos, porque os ricos não são. Na página Não me Khalo, uma página de feminista realizou uma enquete dizendo que o combate as drogas, era na verdade guerra contra os pobres, porque o trafico gera emprego e condições melhores de vida para o jovem da comunidade. A pior parte foram os comentários, todas as feministas estavam apoiando os traficantes e atacando as operações policiais.

Os negros se tornaram um instrumento de engenharia social, assim como as mulheres, ainda irei fazer uma matéria sobre isso, que o racismo foi criado para criar separações na sociedade, não estou negando que não existe, mas a forma que é apresentada é na forma de defender criminosos, bandidos, estupradores, porque nos dias de hoje matar bandido virou sinônimo de matar negro e pobre. 

O cidadão brasileiro está sendo educado a ser passivo na sociedade, criando assim a Síndrome de Estocolmo, onde a vitima defende os seus agressores, ainda mais existem uma corrente filosófica e religiosa que realiza o culto do sofrimento, ensinando que a vida é assim mesmo, que o mundo é um lugar cheio de sofrimento, que Deus não existe, incentivando assim o ateísmo. Levando as pessoas para as paixões mundanas, usando o sexo ilícito como ponto de fuga, consumindo drogas e álcool, levando uma vida extremamente medíocre e sem sentido. Tenho que tirar o chapéu para o feminismo, foi uma excelente estratégia, onde levou vários homens e mulheres a loucura coletiva, como diz, o ser humano é um animal racional, mas tirando a sua racionalidade vira apenas um animal, obedecendo assim os seus instintos mais baixos.
Pensa sobre isto!

Sejam Felizes e Superam as Paixões!

Márcio de Andrade








sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Minha mãe foi vadia.

Grávida na Marcha das Vadias, o filho será um verdadeiro filho da puta, literalmente.

A intenção do título foi mesmo para chamar atenção dos leitores, a respeito das mães, que no passado foi uma mulher promiscua, onde fez a alegria da galera e agora se encontra com filhos para sustentar. Pois, não existe a pior coisa do mundo, quando o filho descobre que a sua mãe, já foi uma vadia, corneava o seu pai, e a pior parte, ainda continua ser o que ela é, uma promiscua.

As mulheres não sabem o que elas vão colher no futuro, acreditam na sua liberdade sexual, em que nunca faltarão homens aos seus pés, onde pode esconder facilmente o seu passado, pois o tempo apaga tudo. Por causa, dessa falsa sensação de segurança, elas fazem o que fazem, mas esquecem de que, não há um juiz mais justo, severo e rígido, chamado o tempo. O tempo é o pior juiz que existe no universo, ele tortura o psicológico da pessoa, fazendo a pessoa ficar preso no passado, mostrará todos os seus erros, mas será tarde demais. Sabe qual é a frase mais triste, que o ser humano pode ouvir? “Poderia ter sido diferente!”. Por isso, que o ser humano às vezes deve se projetar para o futuro, olhando para o passado, que é o seu tempo presente.

Já vi vários casos de filhos rebeldes e delinquentes, porque descobriu o passado da sua mãe, sentindo vergonha dela, chegando até mesmo xingar e bater nela. Casos tristes de maus tratos, deixando com fome, sem remédios, abandono, chamando de puta, pois a situação piora, quando não sabe quem é o próprio pai.

Uma vez vi um caso triste, um rapaz depois de adulto conheceu o seu pai biológico e tinha perguntado para ele, porque não tinha reconhecido a paternidade e ele respondeu: “Não reconheci a paternidade porque não tinha certeza, que o filho era meu, porque a sua mãe era uma maior vagabunda!”. Quando ele chegou a casa, espancou a própria mãe, por revolta do passado dela.

Na época da escola, uma garota era afim de mim, mas não quis ficar comigo, porque era um duro, então fazia a alegria dos playboys da rua, rodou mais do que um caminhão de estrada. Na época estudava na mesma sala que o nosso, um rapaz chamado Caveira, comentando dentro da sala de aula: “Fulana é uma maior vagabunda, puta e piranha, deu a buceta para 4 malucos de uma vez, dentro do carro, no baile funk no morro!”.

Para ter uma ideia, ela teve 3 filhos com cada homem diferente, esta velha e acabada com apenas 41 anos de idade. Soube que os filhos são rebeldes, não fala direito com ela, sente vergonha do passado de vadia da mãe, os filhos jogam na cara dela, que ela foi puta, até a própria mãe sente vergonha da filha.

A vida é cheia de golpe, ela é imprevisível, sabendo interpretá-la, pode ser a sua melhor amiga, mas acreditando que é livre para fazer o que quer, ela se torna a sua pior inimiga. Não seja pego pelo famoso “de repente”, de  repente perdeu o emprego, de repente um ente querido morreu, de repente a sua namorada foi embora. Faça as coisas com consciência, para não ser pego pelo famoso “de repente”.


Assumindo uma ex promiscua se paga um preço muito alto como aconteceu com Vitor Belfort.
Um canal dos EUA, mostrou imagens da época da Feiticeira, na intenção de desmoralizar o lutador.

Mesmo que o filho aceita o passado promiscuo da sua mãe, ele sofrerá bullying, será sacaneado por todo mundo, as pessoas vão jogar na cara dele, o passado da sua mãe. Sua autoestima será destruído, sentira vergonha de si mesmo, e a sua existência será medíocre. Como aconteceu com a Joana Prado, que fez a personagem chamada Feiticeira, a sua filhinha chegou perto dela e perguntou: “Mãe é verdade que você dançava de biquíni para monte de homens na televisão?”. Ela chorou na hora de tristeza quando a sua filha fez essa pergunta.

Ex vadias nunca vão assumir um compromisso sério com um homem, mesmo que ele aceita o passado dela, mas elas não vão aceita-lo, porque já viciou o corpo a ter vários homens, então não aceitará a ter um relacionamento sério. Mesmo que perdoa o passado delas, elas vão te rejeitar, mesmo que consiga morar com ela a um certo tempo, ela não irá ter relações sexuais contigo. Ela simplesmente sentirá nojo da sua cara. Recomendo você  esquecer dela, não tenha esperança que irá mudar de comportamento, procura seguir a sua vida, ignorando a existência dela, pois se não aceitar essa realidade terá uma vida miserável, cheio de frustrações, por isso, que a Real recomenda investigar o passado sexual das suas atuais companheiras, para não ser pego, pelo famoso “de repente”.


Com certeza, o garoto foi zoado na escola.

Homens promíscuos estão condenados ao fracasso, falência financeira, desiquilíbrio emocional, depressivo e vivendo assim num eternas lamentações. A sociedade ainda não teve consciência que o sexo tem um poder de destruição, está sendo usado como arma de destruição de massas, pois as paixões é uma arma invisível, mas os seus efeitos significa caos e perda da razão, levando a loucura extrema e o seu resultado final é o crime, assassinado e suicídio.

Pensem sobre isso!

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade




quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Srimad Bhagavatam




Uns dos livros sagrados mais importantes da Índia


Srimad Bhagavatam é uns dos livros sagrados da Índia, onde já fiz várias referências a ele nas minhas escritas, onde fala tudo sobre a religião, cultura, hábitos, filosofia, psicologia, etc, da sociedade indiana. Um livro que contém 18 volumes, com mais de mil páginas cada livro, fala sobre ascensão e queda da Índia, citando o que leva a decadência da sociedade, levando as pessoas ao mais profundo inferno emocional, caindo assim na decadência moral. Costumo dizer quem nunca leu o Srimad Bhagavatam, não sabe nada sobre a Índia, onde cita as diferentes escolas, sociedade, tradições e costumes dentro da sociedade indiana.

Por exemplo, não existe uma religião chamado hinduísmo, esse nome foi dado pelos árabes, que rotularam como tudo fosse a mesma coisa, mas existem diferenças entre eles, pois são centenas de religiões diferentes dentro desse país. Alguns são ateus, outros são politeístas, outros são monoteístas, uns ensinam que o homem é Deus, outros fala que ninguém é Deus isso é ilusão humana. Ou seja, cada um com as suas próprias características.

Engraçado quando a mídia mostra o hinduísmo, só mostram aqueles ascetas malucos, que andam pelados, fumando maconha, comendo lixo, e falando somente em reencarnação. Por incrível que pareça nas escrituras realmente fala sobre reencarnação, mas não dá nenhuma importância sobre isso, acha até mesmo estupidez ficar com a mente fixa sobre isso, acreditam que é perda de tempo de investigar o que foi na outra vida. A escritura fala somente em purificar e controlar os sentidos, e se aproximar de Deus.

Uma coisa que as pessoas não sabem, que o controle de natalidade sempre existiu na história humana, isso não é uma coisa nova, então se fala, quando quer destruir uma sociedade primeiro destrua a sua religião, incentiva o materialismo, e prazeres mundanos, que as pessoas vão se destruir por si mesmo. Primeiro o seu emocional será destruído, levando a loucura com pensamentos torturantes, lamentações e aprisionamento do passado, depois ao suicídio ou irá morrer de doenças fatais.


As escrituras védicas condenam os shivaistas uso de maconha como prática religiosa.
Na Jamaica pelo que sei, é totalmente proibido o consumo de maconha, mas os EUA fez uma propaganda em massa, que esse país é liberado o consumo dessa maldita erva. A jornalista Glória Maria experimentou maconha com os rastafáris, que essa tradição foi levados pelos indianos, quando se instalaram lá, então tem como características religiosas. Mas, o que o Srimad Bhagavatam tem que falar sobre isso?

Maconha na Índia é chamada de Ganjã, onde os seguidores de Shiva fumam maconha e faz uso de entorpecentes, mas as escrituras referem a eles como os “falsos seguidores de Shiva”, que chegam até mesmo cometer crimes como assassinatos e estupros. Alguns deles chegam até mesmo realizar sacrifícios humanos, (assim como os seguidores de Kali), acreditam que o uso da violência chega a purificação espiritual. Assim como os lugares que realizam sexo como purificação espiritual, predomina o crime, estupros, assassinatos e a decadência moral da sociedade. Existe um proverbio que fala: “Quem segue o caminho do corpo encontra a própria morte!”.

As escrituras falam para se manter longe dos seguidores de Shiva, pois são fanáticos, usam drogas para cometerem crimes, acreditando assim que vão alcançar a purificação espiritual. Então usar maconha como purificação espiritual é uma estupidez, se foram os indianos que levaram essa prática para a Jamaica, então significa que esses rastafáris não são de confiança, devem fazer algum coisa errada na sociedade, mas não é divulgado, na intenção de incentivar o uso da maconha.


Foi uma decepção uma jornalista de nome como Glória Maria fumar maconha, com a finalidade de fazer apologia as drogas, influenciando as mentes dos mais jovens, muitos adolescentes começaram a fumar maconha, porque algum famoso falou que experimentou essa erva. A jornalista Glória Maria deveria ter mais responsabilidades no que divulga, porque nos comentários do vídeo dela, todo mundo achou engraçado, legal, promovendo assim o seu uso.

Essa foi o veredito dos Vedas.

Sejam Felizes e Superam as Paixões!

Márcio de Andrade




terça-feira, 15 de novembro de 2016

Vedas vs maçonaria



Vídeo suposto da maçonaria, selecionando moças
para ser exibidas nos meios de comunicações.

Entender as histórias das religiões é de absoluta importância para a compreensão do psicossocial, sabendo a origem dos comportamentos das pessoas e para aonde caminha a humanidade. Quando falo de religião, não é para converter ninguém, mas sim na visão antropológica das coisas, sabendo assim como lidar as adversidades da vida. Não lembro direito à época que a maçonaria entrou na Índia, mas sei que foi na época da Companhia das Índias Orientais, onde havia o comércio entre os europeus e indianos.

Quando os ingleses invadiram a Índia, viram então que não iria dominar o povo indiano, por causa da sua religião, então os britânicos financiaram escolas paralelas de vedanta, para distorcer os ensinamentos védicos, ficando assim mais fácil de dominar o país. Eles falsificaram as escrituras, por exemplo, as escrituras defende pena de morte para quem invade o seu país, aqueles que fazem apologia às drogas, delinquência, promiscuidade e assim por diante. Então modificaram as escrituras na intenção de tornar o povo mais passivo e tolerante aos seus dominadores.

Recentemente comprei vários livros escritos pelos próprios maçons, pude ver nitidamente como eles odeiam a filosofia védica, os classificando como fanáticos, loucos, misóginos odiadores de mulheres, enfim vários adjetivos para os Sastras (escrituras sagradas védicas).

Pude reparar o ódio dos maçons pelos “hindus”, porque todos os Sastras falam para sair da dominação de uma mulher, uma filosofia que ensina os homens ser independentes emocionalmente das mulheres, enquanto no ocidente ensina os homens ser dependente emocional delas.

O livro maçônico ataca muito o povo indiano, que não deixa as mulheres exercerem a sua liberdade sexual, que deve casar cedo para não ter comportamento promiscuo na sociedade e as prostitutas não tem vez lá. Quase todos os livros maçons ataca todos os países que não respeita a liberdade sexual da mulher, pude reparar como eles são obcecado por sexo,  todos os símbolos deles representam o pênis e a vagina, parece que eles lidam muito com a magia sexual.

Engraçado que eles atacam todos os deuses do “hinduísmo”  e veneram muito o deus Hindra, que de acordo com os Vedas, já foi acusado de cometer vários crimes, violências, em que ofendeu o Pés de Lotus do Senhor Vishnu, então recebeu uma severa punição do Senhor Vishnu, que deve reencarnar na Terra como porco comedor de excremento. Depois que acabou a punição dele, Vishnu diz que poderia voltar para o seu lar, mas Hindra se recursa ir, preferiu continuar a ser um porco comedor de excremento, porque amou a sua punição. Esse deus que os maçons veneram, que na realidade poderia ser chamado de demônio. 

A ideia principal da maçonaria e dos judeus é a destruição da sociedade através das mães solteiras, pois de acordo com o Srimad Bhagavatam diz: “Numa sociedade onde promiscuidade tomou conta de tudo, ela irá decair moralmente, nascerão uma geração de filhos indesejados, que serão futuros delinquentes, criminosos, assassinos, etc. O ser humano é fruto de acordo que foi gerado, se ele nasceu através da promiscuidade feminina, então o destino dele está selado. A sociedade irá pagar um preço muito alto, haverá um crescimento de crimes, estupros, assassinatos, corrupção, etc, levando assim a sua destruição!”.

A ideia principal dos maçons foi de divinizar as mulheres e os homens demonizar, usaram uma estratégia perfeita nas mulheres, que foi tirar o senso crítico delas, culpando assim somente os homens. Dando a falsa sensação de que elas são livres de fazer o que querem, as mulheres não se preocupam com a sua própria segurança, ficando assim a mercê da sorte.




Pertenci uma ordem que era chamada Antiga Ordem Fraternal dos Mantos Amarelos do Oriente, uma instituição que nasceu da maçonaria e rosa cruz dirigida pelo mestre Savitre, ele falava antecipadamente o que iria acontecer na sociedade, mas engraçado de tudo acontecia mesmo. Por exemplo, ele falou que iria aumentar a criminalidade na sociedade, que devia estar preparado, que todo mundo iria usar grades de segurança nas suas casas para se proteger dos bandidos, numa época que a sociedade brasileira nem pensava nisso. Outra coisa, ele falou que iria aumentar o numero de estupro, por causa da roupa, que isso foi feito de proposito mesmo, incentivar as mulheres usarem roupas provocantes na intenção de incentivar o estupro. Outra coisa interessante, ele tinha falado que iria aumentar o homossexualismo na sociedade, numa época que a sociedade brasileira nem sabia o que era GLBT. Todas essas previsões aconteceram nos anos 80, que nós devíamos estar preparado. Mestre Savitre, contou tudo que iria acontecer, ele sabia dessa coisa porque era maçom.

Os maçons não permitem nenhuma critica as mulheres, não porque as amam, mas sim são instrumentos deles para realizar a sua engenharia social, por isso, que financiaram o feminismo, na forma de destruir os homens através do emocional. Todos os livros sagrados fala sobre o comportamento humano, criticam tanto o comportamento masculino e feminino, mas quando criticam o comportamento delas, logo o livro é rotulado de misógino. Por exemplo, uma vez no templo, o guru contou uma passagem que o Deus Krisna criticava severamente o comportamento da mulher, os ouvintes ficaram indignado, então me intrometi dizendo: “Engraçado, quando as escrituras criticam o comportamento do homem ninguém fala nada, mas quando critica a mulher vocês ficam revoltados. Então os sastras só podem falar mal dos homens e nunca deve falar mal das mulheres?”.

Por isso, que os meios de comunicações procuram fazer sempre uma imagem negativa da Índia e da sua religião, passando uma falsa imagem, que eles odeiam as mulheres, onde as oprimem, estupram sem dó, que as matam sem piedade. O principal ensinamento védico diz que o homem deve ser independente emocionalmente das mulheres, que elas são o símbolo máximo da ilusão e do falso prazer, que elas sempre foram interesseiras ao longo da história, onde faliram vários reis e imperadores. Cuidado dos homens que pensam em sexo, sua vida cairá em desgraças, uma vida cheio de sofrimento e a sua existência será medíocre.

Sejam Felizes e Superam as Paixões.

Márcio de Andrade