segunda-feira, 28 de maio de 2018

Militares são traidores da pátria!

Eles não são patriotas! São traidores da Pátria!

Em 2008, fui aluno da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra, que era conveniado pela Escola Superior de Guerra, onde estudava assuntos militares para civis, principalmente Defesa Nacional. Irei relatar aqui a minha experiência com os militares, quem realmente eles são, assim como muitos, acreditava que os militares eram patriotas, que estavam preocupados pelo bem da nação.

Mas, assistindo as aulas dos professores da Escola Superior de Guerra (localizado na Urca, Rio de Janeiro), pude testemunhar como os militares brasileiros estão subordinados aos norte americanos, lá tem muito agente da CIA, que por sua vez são subordinados ao Mossad. Durante anos, entrevistei vários ex-membros dos movimentos sociais, como movimento LGBT, negro, feminista, etc, e todos falavam a mesma coisa, que objetivavam uma guerra civil no país.

Durante décadas, sempre tentaram detonar uma guerra civil no país, mas todas as tentativas foram em vão, o motivo é simples, o povo brasileiro é muito misturado, existem várias raças, então existem vários modos de pensar diferente. Quando existe uma só raça, fica muito fácil de manipular, e principalmente provocar uma guerra, assim como aconteceu em várias partes do mundo.

Alguns professores da Escola Superior de Guerra mostrava totalmente o desprezo pelo povo, chegava até mesmo humilhar os alunos, fazendo sentir vergonha de ser brasileiro. Teve uma vez, que o professor humilhou tanto o povo brasileiro, que um dia fui a forra com ele, esculachei tanto o professor, que eu fiquei marcado. Como sou um homem extremamente bem informado, comecei a perceber, que eles estavam divulgando mentiras nas aulas, e comecei a desmascará-los, fazendo perguntas maldosas, que não sabiam responder (ou não queriam responder). Recebi uma ameaça de expulsão, porque estava desmentindo os militares, tanto que a diretora do curso, disse para mim parar de fazer perguntas, porque estava colocando a credibilidade dos militares em dúvida.

Foram 4 meses de curso, as aulas eram 4 vezes por semana, e durante esse tempo, eles reclamavam muito, que o povo brasileiro era patético, que não fazia manifestações na rua, do jeito que eles queriam. Um dia, perguntei para os militares na frente dos alunos civis: “Quero que me diga uma coisa, porque vocês querem que o povo, saia para as ruas, para fazer a manifestação? Conta aqui para o titio Márcio, fala aqui para o tio, se tiverem vergonha, por causa deles, quando terminar a aula, pode me chamar no cantinho e falar. É muito estranho essa obsessão de vocês, de querer o povo saia para as ruas!”.

A justificativa deles, se o povo saísse para as ruas, pedindo a intervenção militar, que eles poderiam agir. Mas, isso não passa de uma grande falácia deles, porque ao mesmo tempo, sempre falava que os militares não poderiam ser contra o presidente, porque eles são subordinados pelo chefe de Estado. Então tinha percebido, que eles querem ver o circo pegar fogo.

Frequentando a Escola Superior de Guerra, conversei com um coronel da aeronáutica, e tinha me falado, que o Brasil estava a beira de uma guerra civil, que era uma coisa inevitável. Os militares brasileiros não podem fazer nada, porque são subordinados pela forças armadas norte-americanas, objetivando assim uma guerra no Brasil.

Por exemplo, na Revolução Russa os comunistas começaram matar os animais e colocar fogo nas fazendas, objetivando ter escassez de comida para matar o povo de fome. Pessoas de cidade grande, não tem consciência da origem da sua comida, que são provenientes do campo, então atacando a sua fonte, prejudica toda uma sociedade. O primeiro ato de uma guerra é atacar o abastecimento de comida, por isso, que está tendo a greve dos caminhoneiros aqui no Brasil.

A primeira estratégia de guerra é cortar o abastecimento de comida.
Essa greve deve acabar o mais rápido que possível.
Muitos estão apoiando a greve dos caminhoneiros, mas não tem consciência o que está por trás disso, isso tudo foi estratégia do governo, foi feito de proposito na intenção de provocar caos no Brasil. Muitos estão caindo nesse truque propagandístico, apoiando a greve, mas não tem consciência quando zerar totalmente a comida dos supermercados, irá provocar um grande caos. A estratégia é essa mesmo,  cortar o abastecimento de comida, desconfie daqueles que apoiam a greve, principalmente os militares, pois isso é uma estratégia de guerra.

Primeiro corta o abastecimento de comida, depois corta água e luz, e no final confisca todo o dinheiro da poupança, que o caos está instalado. Provocar na sociedade um caos mental, que um começa agredir outro, que é exatamente que está acontecendo nos dias de hoje.

Muitas pessoas não sabem, que são os militares que administram a água, luz, gás, etc, da sociedade, (alguns falam que são da reserva, que quando se aposentam pegam chefia desses postos), então o aumento abusivo desses produtos são provocados por eles. A grande inflação do país são provocados por eles, mas como tem controle dos meios de comunicações, não deixa passar imagem negativa deles. Mas, quando a mídia passa uma informação negativa sobre os militares, isso se chama psicologia invertida, ou seja, eles invertem as história, sabendo que o povo irá revertê-lo a favor deles.

Assim como o capitalismo financiou o comunismo, os militares foram responsáveis por trazer o comunismo para o Brasil, eles entraram em conflito com os comunistas, porque não cumpriram as ordens dos militares, que era para atuar no campo intelectual e não armada. Tanto que é verdade, que depois da ditadura eles nunca se defenderam dos comunistas, eram atacados pelos meios de comunicações como assassinos, que foram anos de chumbo, que sofriam censura, etc. Isso que se chama psicologia invertida, deixava ser atacados pelos comunistas, para alcançar os objetivos deles. Tanto que durante esses anos todos, eles nunca se defenderam, nunca realizaram um documentário falando sobre o perigo dos comunistas, nunca se opôs dos livros didáticos, não se defendiam pelos meios de comunicações, e assim por diante.

Confrades, vocês me conhecem muito bem, pelas minhas escritas sabem que não sou de jogar conversa fora, pode reparar nos meus textos sempre falei no serviço de inteligência, o que os militares faz no Brasil é uma covardia muito grande, obedecem às ordens dos norte americanos, cuja finalidade é destruir o nosso país. Eles não são patriotas, desconfie sempre dos patriotas, pois usam do patriotismo para manipular e persuadir as pessoas. O primeiro ato de guerra é provocar caos e destruir a sua mente, colocando-o no estado de desespero muito grande, mantenha a calma e procura fazer um abastecimento de comida como forma de prevenir futuras situações nada agradáveis.

Que Deus Proteja a Nossa Pátria!

Márcio de Andrade

4 comentários:

  1. Meu caro, faz sentido porém acredito q não vai dar em nada, vamos ver.
    Uma indagação: Vc há viu como estão investindo nos filmes pornôs em que a mulher lambe o ânus do cara, o chamado beijo grego?
    O que vc acha q e isso, pois percebi que estão investindo nesse tipo de filme e desconfiei na hora, pois o ânus do cara sempre fica em evidência. Desculpe pela pergunta constrangedora mas era preciso.
    ABS

    ResponderExcluir
  2. Já fizeram beijo grego em mim, foi muito estranho.

    ResponderExcluir
  3. Graças a Deus eu me libertei do toc de frequentar prostíbulos e de ver filmes pornográficos de travestis.
    Obs: os prostíbulos eram apenas de mulheres. Mas vídeos eram de trav

    ResponderExcluir
  4. ***Justicialista Igualitarista***2 de junho de 2018 12:14

    Percebi que vc é contra a direita e contra a esquerda também, ok também sou! agora, eu apoiei a greve dos caminhoneiros sim e aquelas faixas NADA tem a ver com eles! Trata-se de oportunistas, milicos eleitores do Bostanaro querendo se aproveitar da situação e tumultuar. Sou independente (justicialista Igualitarista). Abçs! \\\///

    ResponderExcluir